A Proteção Que Você Merece

Notícias

São Francisco Saúde realiza o IV Fórum de RH em Ribeirão Preto/SP

A relação “Ganha-Ganha” nas negociações mais justas e éticas foi o tema deste ano, abordado pelos renomados palestrantes Mário Sérgio Cortella e Yann Duzert. O evento vai ser realizado também em Campo Grande/MS no dia 17/09

04/09/2015

Palestrantes Yann Duzert e Mário Sérgio Cortella 

A São Francisco Saúde promoveu no último dia 02/09 o IV Fórum de RH, no Theatro Pedro II, em Ribeirão Preto/SP. O tema deste ano foi A relação “Ganha-Ganha” nas negociações mais justas e éticas. A mesma abordagem será realizada em Campo Grande/MS, no dia 17/09, às 8h, no Grand Park Hotel, localizado à Rua Afonso Pena, 5282 – Chácara Cachoeira. O evento contou com profissionais de RH de renomadas empresas de Ribeirão Preto e região.

“As palestras são muito interessantes porque nos faz repensar os processos de gestão de pessoas. Além de desmistificar o conceito de poder e nos oferecer novas ideias para que sejam aplicadas em nossas empresas”, declara o representante da Cerâmica Atlas, José Bozzi.

“Temos cerca de 3,5 mil colaboradores e estamos sempre em processo de negociação. Esta, sem dúvida, foi uma oportunidade de aprendizado, no qual conseguimos reciclar conceitos, atualizar informações e agregar novos conhecimentos e estratégias de gestão empresarial”, disse Oswaldo Maia, diretor de RH da Rodonaves.

O Fórum trouxe o conhecido Filósofo e Escritor Mário Sérgio Cortella. Ele falou sobre o “Poder e Competência: dramas, tramas e traumas”, especialmente sobre o papel e características de um bom gestor. “A um chefe você obedece, mas a um líder você segue, procura e admira. O conhecimento serve para encantar as pessoas, não para humilhá-las”, diz Cortella.

A programação contou ainda com o consultor Yann Duzert, que abordou o tema “Negociações sustentáveis”, assunto relevante para melhorar o clima nas relações de negócios. “Negociar não é uma briga de braço para saber quem é o mais forte. É preciso otimizar resultados e criar situações onde haja maior chance de ganhos mútuos. Onde os dois lados saiam felizes ao final da negociação”, declarou Duzert.

Galeria de Imagens

Voltar