A Proteção Que Você Merece

Notícias

No fim de semana, Ciclismo de Ribeirão Preto se destaca na elite e na base

Em provas disputadas no Rio de Janeiro – RJ, Altinópolis – SP e Cajuru – SP, atletas, patrocinados pela São Francisco Saúde, conquistam três medalhas de ouro, dois bronzes e dois quinto lugares

16/03/2015

O domingo foi de conquistas para a equipe de ciclismo de Ribeirão Preto (São Francisco Saúde/Biosev/SME). Em três provas, atletas da elite e da base conseguiram três ouros, dois bronzes e dois quinto lugares. A elite disputou a Copa RJ, no Rio de Janeiro – RJ, enquanto a base correu mais uma etapa da Copa SP, em Cajuru – SP, e a Copa 9 de Março, em Altinópolis – SP.

Em terras cariocas, Alan Maniezzo foi ouro e Antoelson Dornelles bronze nos 26 km da primeira etapa da Copa Rio, realizada no distrito de Itaipava, em Petrópolis, Região Serrana do Rio. Característica pelas subidas, a prova serviu como preparação para a Volta Ciclística do Rio Grande do Sul, que será disputada de 8 a 12 de abril. Pensando nela, os atletas já treinaram por duas semanas em Belo Horizonte – MG, onde há muitos trechos montanhosos.

“Tinha 18 km de subida, era uma prova para os montanheiros. Fomos com quatro atletas, mas corremos para o Maniezzo e o Dornelles. Na parte plana os adversários tentaram desgastar os dois, mas o Thiago Nardin e o Jeovane de Oliveira deram conta de segurar. Aí na parte plana deslancharam”, disse o técnico Marcelo Donnabella.

O treinador ainda citou a vantagem de mais de um minuto conquistada pelo campeão Alan Maniezzo. As outras quatro posições do pódio foram disputadas na reta final, segundo Donnabella, com a prata ficando Tiago Fiorilli, de Taubaté, por segundos.

Na base, a equipe conquistou um ouro e um quinto lugar na Copa 9 de Março, em Altinópolis – SP, com Marco Antônio Azevedo (categoria Open) e Felipe Montana (Elite), respectivamente. Na Copa SP, em etapa disputada em Cajuru – SP, João Henrique Scaranti foi ouro no Infanto Juvenil e continua liderando a categoria, enquanto Gabriel Martins conquistou o bronze e Paloma Correa o quinto lugar, ambas no Juvenil Feminino.

Para o técnico Fernando Bassanezi, que acompanhou os atletas na Copa SP, o resultado não foi dos melhores, mas a equipe demonstrou evolução em relação ao desempenho do ano passado na mesma etapa. Segundo ele, a equipe é não é habituada a correr estradas, caso dessa etapa.

“A gente está acostumado com circuito, então fica difícil. Mas eles andaram bem mais tranquilos nessa prova esse ano, evoluíram. E essa foi a segunda competição da temporada, ainda tem muito a desenvolver até o fim do ano”, afirmou. “Foi um circuito muito duro, subidas longas. Também teve muito vento, muito ataque, foi uma prova muito dinâmica. Uma bobeada que você dava já saía do pelotão, e aí sozinho na estrada é difícil pegar.”

Na categoria elite, o próximo compromisso dos atletas é a Volta Ciclística do Rio Grande do Sul, entre os dias 8 e 12 de abril. Já na base, a equipe volta a pedalar na próxima etapa da Copa São Paulo, no dia 5 de abril.

Fonte: Martinez Assessoria

Voltar