A Proteção Que Você Merece

Notícias

São Francisco Saúde realiza campanha de conscientização sobre a Hepatite C

A ação contou com parceria da ACIRP e da AMARP na realização de exames rápidos e gratuitos para diagnóstico da doença

18/11/2015

A iniciativa da São Francisco Saúde faz parte de uma campanha de mobilização e prevenção da Hepatite C e contou com o apoio da ACIRP e da AMARP 

Para alertar sobre os perigos da Hepatite C, a São Francisco Saúde, em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto (ACIRP) e a Associação das Mulheres Amigas de Ribeirão Preto (AMARP), promoveu no dia 17 de novembro uma campanha de conscientização. A ação aconteceu na própria sede da ACIRP, quando foram realizados 21 exames rápidos para diagnóstico da doença. O Público alvo foram clientes da operadora, do sexo masculino, com idades entre 45 e 65 anos. Os testes foram realizados por equipe de enfermagem da São Francisco, de forma gratuita e com resultado imediato.

“Gostei muito da iniciativa da São Francisco Saúde em disponibilizar este teste para nossos associados. Um teste simples e rápido que pode ajudar a salvar vidas”, diz o empresário e diretor executivo da ACIRP, Júlio Soncini.

A iniciativa da São Francisco Saúde faz parte de uma campanha de mobilização e prevenção da Hepatite C, doença silenciosa, que provoca a inflamação do fígado, podendo evoluir para cirrose ou câncer hepático. Atinge 170 milhões de pessoas em todo o mundo e cerca de 3 milhões de brasileiros. Desses, apenas 5% estão diagnosticados. Por ser uma doença silenciosa, muitos não sabem que estão infectados.

Sua transmissão ocorre pelo contato com o sangue contaminado de um portador da doença, através acidentes com materiais mal esterilizados, transfusão de sangue e uso de drogas injetáveis. Pode haver raríssimos casos transmitidos por relações sexuais. Por isso, o uso de preservativos é sempre o meio mais seguro de prevenção. Beijos, abraços, carinhos, compartilhamento de copos, talheres e alimentos não transmitem o vírus, nem mesmo espirros ou tosse.

Não há vacina preventiva contra o vírus da Hepatite C, existe apenas para os tipos A e B, portanto a melhor maneira de proteção é a prevenção.

“Quando detectada precocemente, a Hepatite C pode ser tratada e a possibilidade de cura aumenta consideravelmente. O teste para detecção é rápido e simples, basta uma pequena picada no dedo para a coleta de uma gota de sangue”, afirma o gerente médico do Núcleo de Promoção e Gestão em Saúde da São Francisco, Dr. Carlos Braga.

Galeria de Imagens

Voltar