A Proteção Que Você Merece

Notícias

Aprenda a escolher o hidratante certo para cada tipo de pele

Ritual de beleza essencial para quem deseja ter uma pele sedosa e saudável

24/08/2016

 

Ritual de beleza essencial para quem deseja ter uma pele sedosa e saudável, a aplicação de hidratantes contribui para evitar o ressecamento e melhorar a luminosidade da cútis, além de combater os agentes causadores do envelhecimento cutâneo precoce. Porém, para aumentar sua eficácia, é preciso ficar atento às informações da embalagem e, assim, escolher o creme certo.

“Cada tipo de cútis necessita de hidratantes diferentes, desenvolvidos para tratar de forma específica suas necessidades, pois só assim é possível mantê-las bonitas e saudáveis. Em todos os casos, o uso do cosmético deve ser feito diariamente, de manhã e à noite”, explica Vivian Amaral, dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Pele normal

Naturalmente hidratada, a pele normal se adapta melhor a produtos desenvolvidos no formato de sérum e gel. Óleos vegetais ricos em vitaminas e ácidos graxos também são capazes de garantir uma hidratação adequada.

A quantidade ideal do creme é de uma colher (de chá), já no caso dos óleos, duas gotas são suficientes.

Pele mista

Conhecida por apresentar regiões oleosas e outras mais ressecadas, esse tipo de pele exige atenção. Por isso, fórmulas sem óleos minerais são a melhor opção, pois evitam o ressecamento e não aumentam a produção das glândulas sebáceas.

Pele oleosa

Por sofrer com o brilho excessivo, deve ser cuidada somente com hidratantes em gel para evitar o aparecimento de acnes. Óleos vegetais também são boas opções, pois retêm a água da pele, sem provocar a oleosidade. “Também vale a pena usar produtos umectantes formulados com alfahidroxiácidos, ácido hialurônico ou ureia, já que são mais leves e menos gordurosos”, indica.

Pele seca

Com pouca quantidade de glândulas sebáceas, essa cútis resseca com facilidade, o que pede cremes mais concentrados e com mais componentes de hidratação em sua fórmula. “Aqui, a dica é apelar para cremes oclusivos, que são mais oleosos e possuem, entre outros ingredientes, a alantoína, a vaselina e os óleos naturais, que também conferem uma maior elasticidade à pele”.

Fonte: Agência Hélice Terra

Galeria de Imagens

Voltar