Laboratório São Francisco
A Proteção Que Você Merece

Notícias

São Francisco Saúde expande através da gestão em planejamento estratégico

O projeto está baseado na estratégia de atendimento aos clientes situados no interior do Brasil e visa equilibrar a qualidade na prestação de serviços com a eficiente gestão dos custos assistenciais

06/11/2014

Wagner Amaral Carvalho, diretor de operações da São Francisco Saúde 

De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), 40% das operadoras de saúde que atuam no Brasil possuem rede própria de atendimento. Uma tendência mundial que tomou fôlego na década passada e que hoje é mais conhecida como verticalização da saúde. A São Francisco Saúde acompanha esta tendência para expandir e qualificar a infraestrutura dos seus serviços de saúde, especialmente em regiões com significativo potencial de desenvolvimento econômico.

“Em nossas unidades próprias preservamos criteriosos padrões de gestão e padronização de infraestrutura e procedimentos, o que nos possibilita o melhor gerenciamento da qualidade e dos custos. Além disso, é importante destacar que a estratégia de expansão da rede própria não exclui a prestação de serviços por meio da rede credenciada. Pelo contrário, os dois modelos são complementares e não antagônicos”, diz o diretor de operações da São Francisco Saúde, Wagner A. Carvalho.

O projeto de expansão da São Francisco Saúde está baseado nas diretrizes do seu planejamento estratégico que considera, entre outros, aspectos como a necessidade de oferecer atendimento assistencial em locais distantes dos centros urbanos, demandas dos potenciais clientes, especificidades regulatórias, potencial de crescimento econômico das localidades e, naturalmente, a análise prévia da disponibilidade dos serviços de saúde na região de atuação.

Hoje são contabilizadas cerca de 50 unidades, entre assistenciais (clínicas de especialidades médicas, unidades de pronto atendimento e ambulatórios) e unidades administrativas, em 41 cidades do interior de São Paulo, Sul de Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. Em 2013, o faturamento dos planos de saúde representaram 59,54% do faturamento total do Grupo São Francisco que foi de R$ 630,9 milhões.

Para se ter ideia do alcance da operadora, em 2013 foram realizadas 1,9 milhão de consultas 3,7 milhões de exames e mais cerca de 43 mil internações. A rede própria atua de forma articulada com os serviços credenciados e possibilita a consolidação do atendimento resolutivo e de qualidade adotado pela São Francisco.

Em 2013, foram inauguradas 6 unidades, entre assistenciais e administrativas e outras cinco foram reformadas e ampliadas. Os investimentos continuam em 2014. A previsão é de um aumento de cerca de 10% na quantidade de unidades até o fim deste ano.

“O foco em nosso plano de expansão visa entregar aos nossos clientes, cada vez mais, soluções que aliem a qualidade no atendimento à melhor gestão dos custos assistenciais”, esclarece Carvalho.

Galeria de Imagens

Voltar